13 Dicas para qualquer Vegetariano curtir o churrasco de barriga cheia

13 Dicas para qualquer Vegetariano curtir o churrasco de barriga cheia

Receitas práticas, baratas e criativas para os adeptos desfrutarem tudo com a barriguinha cheia!

Ser vegetariano já não é mais um bicho de sete cabeças como no passado, hoje é fácil encontrar um bom lugar para comer. Apesar disso, participar de eventos sociais como um churrasquinho, por exemplo, ainda não é uma tarefa das mais simples.

Mas se você não quer ficar de fora das reuniões com a galera, se liga nessa listinha com variações deliciosas que podem agradar tanto os vegetarianos quanto a turma carnívora.

Quem deu um empurrão pra gente foi a Dra. Michelle Parreira de Campos, mestre em nutrição, ela passou dicas práticas, baratas e criativas para os adeptos desfrutarem de um churrasco bem cool e divetido, claro, com a barriguinha cheia! Se liga:

1. Hambúrguer magro

Para fazer um hambúrguer magro e mega saboroso, triture uma lata de ervilha até virar um purê. Misture essa massa com 1/2 ricota amassada, 1 ovo, 2 dentes de alho, pedaços de tomate (opcionais), sal e pimenta à gosto.

Veja também

  • Remédio pra larica: Mousse vegano de “chocolate”
  • 19 Receitas bem baratinhas que você deveria aprender
  • Mito: Proteína animal NÃO é mais completa que a vegetal
  • “Tem gosto de porco”: a Jaca pode acabar com a fome do mundo, defendem especialistas

Adicione a farinha de mandioca (mais ou menos 1 xícara) aos poucos, até dar consistência na massa para formar o hambúrguer. Molde no tamanho que quiser e grelhe na churrasqueira com um fio de azeite em cada um.

2. Abacaxi digestivo

Cheio de vitamina C e de cobre, o abacaxi pode ser cortado em fatias circulares com uma espessura de, pelo menos, meio centímetro. Unte a superfície de cada rodela com um pouco de azeite e cozinhe na grelha por alguns minutos de ambos os lados.

Assadinho, você vai descobrir que o abacaxi é um ótimo acompanhamento para vegetais e legumes, além de dar aquela agilizada na digestão, revela a Dra.

3. Cebolas vitaminadas e sem sabor forte

Ricas em vitaminas, as cebolas podem ser preparadas na grelha, mas com algumas dicas. Antes de colocá-las na churrasqueira, descasque, corte pela metade e ferva até que fiquem macias. Depois disso, regue com azeite e coloque na brasa, virando com cuidado para que não se desfaçam.

Para fazer espetinhos, melhor usar cebolinhas inteiras e pequenas. Cozinhe antes em água fervendo por poucos minutos para tirar o sabor forte.

4. Tomates grelhados ricos em antioxidantes

Com propriedades antioxidantes e potássio, os tomates colorem os pratos e geralmente são queridos pela criançada. Além de colocá-los no espetinho, você pode também simplesmente cortá-los ao meio, ou em rodelas, e colocá-los diretamente sobre a churrasqueira com a parte da casca para baixo.

Depois de alguns minutos, vire-os para que fiquem bem assados. Tempere com as ervas (manjericão, orégano, salsinha e cebolinha) picadas e regue com um fio de óleo e sal.

5. Tofu crocante

Com proteínas e vários minerais, o tofu vai muito bem grelhado. Antes, deixe-o para descansar por pelo menos meia hora em uma marinada feita com molho de soja, azeite e ervas.

A doutora indica usar sálvia, louro, alecrim ou orégano picados e adicionar na marinada uma colher de chá de vinagre de maçã ou uma pitada de açúcar mascavo para deixar o tofu crocante. O tofu, cortado em fatias, pode ser colocado diretamente na grelha, ou em pedaços pequenos para espetinhos.

6. Seitan e a força da proteína

Feito a partir do trigo, o seitan recarrega o organismo com as tão necessárias proteínas. Pode ser grelhado cortadinho em pedaços ou combinado com legumes para fazer espetos.

O primeiro passo para a sua preparação é, também como o tofu, marinar, o que pode ser feito com a combinação de vinho branco, vinagre de maçã, suco de limão e uma pitada de pimenta-do-reino.

O seitan terá que descansar na marinada por cerca de 45 minutos antes de ser grelhado, alerta a nutricionista.

7. Gogumelos temperados, melhor que remédio

Os cogumelos, aqueles bonitinhos legumes que turbinam nosso sistema imunológico, são outro tipo de alimentos adequados para serem cozidos na churrasqueira e assim propor mais uma variedade que foge do menu carnívoro clássico do churrasco.

Depois de lavados e limpos, os cogumelos (porcini são os mais adequados) devem ser deixados para descansar em uma misturinha de azeite, pimenta-do-reino, sal e salsa. Depois, são colocados na grelha por alguns minutos e servidos quentes.

8. Batatas ricas em ferro

Ricas em ferro e coringas na cozinha, as batatas também podem fazer sucesso no churras, garante a especialista.

Corte-as em rodelas ou pedaços de cerca de meio centímetro de espessura e regue-as com azeite temperado com curry em pó (misture o azeite e o curry em um copo e mexa bem). Coloque-as diretamente sobre a grelha. Vire sempre para que o legume cozinhe bem.

O fogo deve ser baixo para não queimar demais. Depois de prontas, tempere com sal e alecrim, a especiaria que mais combina com batatas. Não esqueça do fio de azeite, é claro!

9. Berinjela com hortelã melhor amiga da dieta

Com baixas calorias e cheias de fibras, as berinjelas podem ser cortadas em fatias finas, sem descascá-las. Deixe descansarem dentro de um escorredor de macarrão por pelo menos uma hora com um pouco de sal, para que elas percam o sabor amargo e liberem o excesso de água.

Deixe-as marinar em azeite temperado com hortelã e alho picado por pelo menos duas horas e coloque-as para grelhar no espetinho. Se inseridas diretamente na grelha elas podem grudar, neste caso, vire-as com atenção para não desmancharem.

10. Aspargos no limão contra as inflamações

Nutritivos e anti-inflamatórios, os aspargos são limpos e cortados (removidas as partes duras, cerca de um centímetro da parte de baixo), e logo em seguida, devem ser colocados na grelha por alguns minutos até que fiquem macios e crocantes.

Para finalizar a preparação, regue com azeite de oliva, sal e gotinhas de limão à gosto sugere a Dra.Parreira.

11. Pimentão vigoroso e vitaminado

Cheios de vitaminas e minerais, os pimentões assados na churrasqueira ficam com um sabor ainda mais especial, mas comparados com outros legumes, levam mais tempo para ficarem prontos.

Coloque-os inteiros na grelha e vire sempre até que as cascas fiquem da cor marrom, quase queimadas. Neste ponto, retire-os do fogo para esfriar. Em seguida, elimine a pele com as mãos e remova todas as sementes.

Corte-os em tiras, e misture com azeite, com pimenta-do-reino, sal e alho picado.

12. Salada verde com molho de abacate

Uma salada verde hiper diferente não poderia ficar de fora da mesa do churrasco. Separe algumas folhas de sua preferência (alface, rúcula, agrião) e as lave bem. Depois, coloque em um processador, meio abacate, 3 colheres de azeite, sal e limão à gosto.

Feito o molho, coloque em cima da salada e finalize com algumas castanhas de caju e pedaços de abacate para decorar e dar crocância ao prato.

13. Suco refrescante para se recompor

Pegue um liquidificador e coloque um bom pedaço de melancia (com a parte branca junto), 1 limão (com casca), hortelã e água de coco. Bata com alguns cubos de gelo.

Com 90% de água na sua consistência, a melancia ajuda a hidratar e matar a sede dos comilões do evento. O limão repõe o potássio que o organismo perde com o suor nos dias mais quentes e a hortelã é muito refrescante.

Já a água de coco, que é um isotônico natural, repõe perdas de sódio, hidrata, revigora e alimenta.

Está é a prova viva que existe churrasco para vegetarianos além do queijo coalho! Só não esquece de gelar a breja, tá?

You may also like...

Adblock
detector